Notícias

A checagem de uma informação impediu que fisioterapeuta caísse em golpe

Ela queria comprar um celular, mas não imaginava que poderia ser enganada

Da Redação
Larissa quase caiu no golpe, ao comprar um celular.

Larissa quase caiu no golpe, ao comprar um celular.

Por muito pouco a fisioterapeuta Laryssa Marques Matias não caiu em um golpe pela internet, quando quis trocar de celular, este ano. Ela procurou o aparelho no marketplace do Facebook e encontrou um por um valor “bem interessante”, abaixo do que pretendia pagar.

Entrou em contato com o vendedor,  que disse que se quisesse ver o aparelho era só marcar. E assim foi feito. Quando chegou ao local, avisou ao vendedor. Ele disse não poder atendê-la, pois não estaria em casa, em razão de uma emergência. Mas que sua cunhada a atenderia.

Na portaria do prédio uma pessoa desceu, confirmou se era a compradora e mostrou o aparelho. Como Laryssa gostou, disse que faria o pagamento. Foi neste momento que o golpe foi descoberto.

Laryssa, que é manager em uma clínica interdisciplinar voltada à saúde, bem-estar e qualidade de vida em Curitiba, comentou que iria fazer o pix na conta “x”, indicada pelo “cunhado” dela. A vendedora estranhou e disse que não estava entendendo. Que o pix era outro e que não havia nenhum “cunhado” envolvido na venda.

O golpe se deu desta forma: a vendedora colocou o anúncio no marketplace. O golpista viu e anunciou o celular, que não era dele, por um preço bem menor, justamente para atrair a atenção de compradores. Se Laryssa não tivesse checado com a vendedora que faria o pix na conta “x” o golpe teria dado certo. E ela ficaria sem o valor pago e a vendedora não lhe entregaria o celular, pois não teria recebido pagamento algum.

Laryssa saiu do local sem o celular que queria, a vendedora sem ter efetuado a venda, mas ninguém saiu perdendo. Só o golpista, que “deixou de vender” um produto que não era seu. Irritada, Laryssa ainda enviou uma mensagem “daquelas” para o suposto vendedor, que a bloqueou.

Esta foi a primeira vez que Laryssa cairia em um golpe na internet. “Ainda bem que não se concretizou, mas conheço pessoas que não tiveram a mesma sorte e perderam dinheiro”, diz. A partir de agora, segundo ela, vai ficar ainda mais esperta em situações semelhantes.