Notícias

Saiba como fazer o seguro da sua magrela

Mas nem todas podem ter a garantia de um seguro. Saiba porquê!

Da Redação
Consulte um corretor para receber orientações sobre o seguro. para sua bicicleta.

Consulte um corretor para receber orientações sobre o seguro. para sua bicicleta.

Ter uma bicicleta é o sonho de muita gente. Existem modelos para todos os gostos e bolsos. Das mais comuns, que custam menos de R$ 1 mil, às mais sofisticadas, que podem custar o valor de um automóvel ou mais.

Um receio, no entanto, é comum entre os ciclistas: perdê-las em um assalto ou danificá-las em quedas ou acidentes. Mas para evitar tudo isso, é possível fazer seguro.

Sim, é possível segurar a sua magrela. Mas, infelizmente, não são todas que podem ter esse benefício. A maioria das seguradoras faz seguro para bikes que custam R$ 3 mil ou mais. É difícil encontrar quem faça para as que custem menos.

Hoje já existem no mercado diversas seguradoras que aceitam segurar bicicletas, inclusive as elétricas, que até pouco tempo não eram aceitas. E você pode fazer seguro tanto para novas quanto para usadas.

Uma das exigências, porém, é apresentar a nota fiscal da compra. Em alguns casos, recibo também vale. Há seguradoras, no entanto, que não fazem essa exigência.

Outro ponto positivo é que o seguro pode ser feito mesmo naqueles casos em que você decide incrementar a bike e muda diversas peças. Desde que você tenha as notas fiscais de todas elas, não tem problema. O seguro pode ser feito.

Você também precisa fazer diversas fotos da bike para apresentar à seguradora. As fotografias devem mostrar partes específicas, como quadro, câmbio, pneus, selim, guidão etc.

Em média, o valor do seguro para bikes que custam entre R$ 3 mil e R$ 5 mil é de R$ 500,00 por ano. Em praticamente todas as seguradoras é possível parcelar esse valor em várias vezes. 

Bikes mais caras têm seguros mais caros. Uma que custe R$ 50 mil, por exemplo, vai pagar cerca de R$ 2.700 de seguro por ano, que também pode ser parcelado.

Há também o valor da franquia, que você só paga se houver algum incidente. Em média, para bicicletas com valores até R$ 8 mil, a franquia gira em torno de R$ 1 mil.

Mas não é só em caso de furto e roubo que você pode ser indenizado pela perda da bicicleta. Se cair e danificá-la, a seguradora irá avaliar o estrago e lhe pagar o valor da peça. Isso vale também para o caso de acidentes, onde apenas uma parte da bike ficou danificada. O custo da mão de obra para a troca da peça, porém, costuma ficar por sua conta.